Quer Saber Como Ganhar Dinheiro Com Artesanato e Sair da Crise?

Transforme suas habilidades manuais em renda

Você gosta de fazer trabalhos manuais? Pratica algum hobby criativo? Sabia que tem como ganhar dinheiro com artesanato?

como ganhar dinheiro com artesanato

Se você tem algum talento manual e se diverte com ele nas suas horas vagas, saiba que há uma diversidade de coisas possíveis que podem ser transformadas em fonte de renda extra.

Hoje em dia, quase todo mundo pode iniciar um negócio de artesanato. Contudo, isto não quer dizer que todos esses ganham dinheiro.

Quando digo “ganhar dinheiro” com artesanato, não quero dizer apenas ser capaz de vender o que você faz, mas sim ser capaz de lucrar a cada venda.

Há uma grande diferença nisso

Veja bem, todo artesanato é um hobby, um passatempo. E como tal, esse tipo de atividade é visto como algo secundário e sem maiores pretensões.

Todavia, o artesanato tem uma enorme capacidade de expansão e de agregação de valores:

  1. por ser uma produção manufatureira e
  2. por refletir traços culturais de quem que os produz

Muita gente dá valor às coisas feitas à mão

Por isso, se você produz algum tipo de artesanato como hobby, ou pretende começar a fazê-lo, acredite, é perfeitamente possível transformá-lo numa atividade lucrativa.

Com certeza, esse é um mercado que se fortaleceu. Nas duas últimas décadas, a economia criativa, da qual o artesanato faz parte, movimentou R$ 50 bilhões, sustentando 10 milhões de brasileiros.

Portanto, se o que pretende é topar a empreitada como um negócio, então precisa planejar, estudar seu público alvo, criar estratégias e anunciar, entre outras coisas.

Entre a arte e o negócio, eis uma questão

Na verdade, você pode criar um negócio completo em casa, com seu know-how criativo!

Então é preciso entender que aqui há duas ações distintas:

  • produzir
  • vender

Onde produzir significa que você é quem cria e fabrica seus artefatos, com a intenção de vendê-los

Isto pode também incluir outras pessoas como parceiras

Ou ainda, entregar a tarefa da venda para uma outra pessoa

Já vender, inclui a produção de outros artesãos

Como também nem precisa que você os faça

No entanto, como empreendedor, você precisará, vencer as três maiores dificuldades enfrentadas pelos artesãos:

  • comercialização dos produtos
  • falta de visão de mercado
  • valorização da atividade

Eis a principal diferença entre passatempo e negócio. Em outras palavras, sua produção deverá estar voltada a atender ao que pede o seu comprador.

Mas sem deixar de lado sua criatividade, nem seu toque artístico.

O que implica em conhecer seu público consumidor, saber das suas necessidades e expectativas.

Outro fator importante é o preço. Muita gente se sente incapaz de saber quanto deve custar cada peça que produz.

De fato, não é uma tarefa simples, pois dentro dos seus preços devem estar embutidos todos os seus custos, assim como suas estratégias de comerciante.

Mas convenhamos, isso também não é o fim do mundo. Portanto, tranquilize-se, porque assunto será tratado em detalhes, mais adiante. E de uma forma bem simples e clara.

O objetivo aqui é que você, ao ler este artigo, saiba perfeitamente como ganhar dinheiro com o seu artesanato.

Aqui estão 10 ideias incríveis como ganhar dinheiro com artesanato para fazer em casa

Se você tem interesse em faturar algum com sua criatividade, então veja agora 10 ideias sobre ganhar dinheiro com artesanato e começar a vender logo, produzindo na sua casa.

Continue lendo, porque tem aqui muita coisa boa, e certamente ajudará na arrancada do seu negócio.

E na sequência, você também verá dicas sobre como e onde vender suas peças.

como ganhar dinheiro com artesanato - joia

1ª – Joias

Joias caseiras de qualidade são muito populares, porque cada item é uma peça única. Uma vantagem para esse tipo de joalheria é que ela é pequena e fácil de transportar.

Então você pode participar de feiras, visitar as casas de seus clientes, repartições. Prático.

Você poderá expor em qualquer lugar.

Da mesma forma, o avanço das tecnologias vêm dando enorme ajuda para quem fabrica esses artefatos.

Além da tradicional tabuleta expositora, as redes sociais multiplicam a clientela e transformam o espaço virtual numa excelente vitrine.

Os materiais para essas joalherias podem variar, incluindo contas feitas de argila, de polímero, ou pedras, metal, cristal, ou ainda couro e muito mais. A imaginação é o limite.

2ª – Arte & Decoração

como ganhar dinheiro com artesanato - cama

As pessoas gostam de obras de arte únicas para exibir em suas casas ou escritórios. Pois essas valorizam o ambiente e conferem status de elegância e sofisticação.

Existe uma grande variedade de peças artísticas em duas dimensões, com grande potencial de venda. São pinturas, desenhos, posters, fotografias, tapetes, painéis em alto relevo, xilogravuras, entalhes e muito mais.

Isto é ótimo. Pois basta uma área livre de parede e ali está o seu lugar.

Além disso, existem as peças tridimensionais que não são penduradas.

Você também pode produzir itens decorativos, que ficam bem num canto de cômodo, nos jardins ou nas estantes, ou ainda pendurados no teto, como os móbiles.

E por falar em fotografia, se você ama tirar fotos, essa pode ser uma fonte recorrente de dinheiro com renda passiva.

Você pode produzir suas fotos e colocá-las para vender online, de muitas formas. Desde a reprodução de suas imagens, até a confecção de álbuns de fotografia.

Sim, eles não saíram de moda!

Conteúdo relacionado

Como Ganhar Dinheiro Com Fotografia: 10 Ideias Pra Você Adotar Já!

3ª – Sabonete e Produtos de Banho

como ganhar dinheiro com artesanato - sabonete

Não há nada como um bom banho na banheira, não é? Sabonete artesanal e produtos para o banho, são hoje muito populares, sobretudo os desenvolvidos para peles delicadas, à base de produtos orgânicos.

Você pode fazer esse tipo de artefato em barras regulares ou criá-los a partir de moldes e matrizes. São mais criativos porque exploram infinidades de formas e cores.

Você também pode adicionar perfume aos seus produtos.

Além de sabonetes, você pode fazer outros tipos, como bombas de banho, banho de espuma, sabão para lavar roupas e até loções.

Kits de sabonetes artesanais são presentes sofisticados e que valorizam igualmente a quem oferece, quanto a quem os recebe.

Curso Sabonetes Lucrativos

Crie seu próprio negócio com sabonetes artesanais e trabalhando apenas 4 horas por dia!

4ª – Velas Decorativas

como ganhar dinheiro com artesanato - velas decorativas

Semelhante ao sabonete, você pode também fazer velas, explorando uma variedade de formas, cores e aromas.

Além disso, você pode usar como molde, diferentes itens exclusivos e inusitados para abrigar suas velas, como embalagens de alimentos tipo tetrapac, xícaras ou ainda conchas.

Há, de fato, uma enorme variedade de tipos e técnicas de confecção de vela decorativas. Aos poucos, você poderá expandir a oferta de modelos, sempre com o seu toque de exclusividade.

Essas velas, como artesanato, são portanto, uma excelente forma de ganhar dinheiro, aproveitando seus horários livres.

Conteúdo recomendado

Curso Velas Decorativas

Aprenda a fabricar velas artesanais decorativas com este passo a passo completo!

5ª – Itens de Costura

como ganhar dinheiro com artesanato - costureira

Se você sabe e gosta de costurar, então há muitas coisas a criar e vender com tecido, agulha e linha, sejam bolsas, fronhas, mantas, artefatos para cozinha e muito mais.

Você pode costurar roupas, fantasias, vestidos, ou peças infantis ou ainda roupas de bonecas.

Aliás, costura é um atividade completa em si. Muita gente, que tem habilidade com a máquina de costura, já decidiu embarcar nessa profissão.

Se este for o seu caso, adiante tem um artigo completo dizendo como começar essa atividade. Toque no botão “leia o artigo” para você se inteirar e investir na sua carreira no mundo da costura.

Depois volta pra cá e termina de ler este aqui. Assim você não perde nada sobre ganhar dinheiro com artesanato.

Conteúdo relacionado

Como Ganhar Dinheiro Com Costura? Veja Agora 7 Ideias Sob Medida!

6ª – Organizadores

como ganhar dinheiro com artesanato - organizador

As pessoas sempre precisam de uma ajudinha, no seu dia a dia, para organizar e armazenar seus itens domésticos e de escritório.

Canetas, clipses, fitas adesivas, são elementos que devem estar à mão toda vez que for preciso.

Enquanto uma caneca decorada ou lata de cerveja estrangeira podem fazer esse serviço, muitas pessoas também costumam comprar itens decorativos exclusivos.

As idéias incluem suportes para utensílios de papelão, madeira ou vidro pintado, porta-lápis, caixas decorativas para armazenamento de arquivos ou fotografias.

Pequenos detalhes utilitários como esses completam os ambientes e deixam tudo o que é miúdo disponível e no seu devido lugar.

7ª – Pratos Decorativos, Copos e Taças

como ganhar dinheiro com artesanato - porcelana

Você está à mão com um pincel? Pratos pintados, copos e canecas, especialmente copos de vinho são muito populares.

Ou talvez você queira personalizar uma caneca de cerveja, ou uma peça de porcelana.

Em vez de tinta ou gravura, você pode usar decoupage para decorar itens de cozinha

A decoupage é a técnica de cobrir uma superfície, no nosso caso, vidros e porcelanas, usando recortes de gravuras em papel, para dar uma aparência de incrustação.

Neste vídeo, é exibida uma produção bem interessante dessa técnica:

Peças de porcelana ou vidro decoradas à mão são admiradas há séculos e estão presentes em inúmeras culturas, do Oriente ao Ocidente.

Pratos decorativos, canecas e outras peças vitrificadas fazem grande sucesso em todo canto, o que os torna um ótimo item para criar e comercializar.

Pois são souvenirs muito sofisticados.

8ª – Inicie no Crochê, um artesanato bom de ganhar dinheiro

como ganhar dinheiro com artesanato - crochê

Como ganhar dinheiro com artesanato de crochê? Será que ele tem demanda suficiente para ser lucrativo? Pois bem, ele nunca sai de moda.

E ainda evolui

Tanto é que deixou de ser uma atividade exclusiva feminina, e hoje também está sendo feito por mãos de homens artesãos.

Embora o crochê seja visto apenas como hobby, a verdade é que existe uma procura cada vez maior desse tipo de artefato manual, graças sobretudo ao surgimento da internet.

De modo que é bem possível iniciar um empreendimento com ele, pois não depende de maiores estruturas. Apenas agulhas, linhas e modelitos para serem copiados e recriados.

Conteúdo recomendado

Curso Edinir Crochê: Um Passo a Passo para Fazer Crochê do Jeito Certo

Aprenda e domine pontos básicos e pontos fantasia – Veja como é simples produzir peças de decoração ou de vestuário – Gráficos e receitas de crochê sem dificuldades – Ganhe dinheiro com sua produção!

Neste caso, para transformar um passatempo em negócio, o importante é criar uma rede de contatos, ampla e diversificada.

Além de muita dedicação e de sempre produzir com a melhor qualidade possível.

Pois o crochê atente a todo tipo de público, dos 8 aos 80. E a variedade de modelitos e cores é uma condição essencial para manter a clientela sempre interessada e, digamos, aquecida.

9ª – Produtos para Animais de Estimação

como ganhar dinheiro com artesanato - pet goods

Há pessoas que simplesmente amam seus animais de estimação. Elas adoram arrazar com seus amigos peludos. E não economizam nisso!

O que faz desse hobby uma excelente ideia de renda extra, ou mesmo de negócio doméstico. Sendo assim, se você gosta de animais e quer ganhar dinheiro com artesanato, não perca mais tempo!

O mercado de animais de estimação movimenta milhões e costuma trafegar contra as crises. Pois sua tendência é sempre ampliar, sejam suas ofertas de produtos ou de serviços.

A quantidade de oportunidades é infinita. Há uma tonelada de itens que você pode fazer para os animais de estimação. Isso inclui camas, roupas, coleiras, serviços de dog walker, pet sitting, a lista não termina nunca!

Além do mais, você pode criar itens decorativos, como um medalhão com a foto do amigão peludo. O limite é a sua imaginação… e a alegria do amigo do peludo.

Quer saber tudo sobre animais de estimação e abrir seu negócio, começando de sua própria casa, então toque no botão e leia o artigo.

Enfim, você vai adorar! Estou certo disso!

Mas não se esquece de voltar. Porque ainda tem mais, ok?

Conteúdo relacionado

12 modos incríveis de como ganhar dinheiro com animais de estimação!

10ª – Encadernação Artesanal de Papel

encadernação artesanal

Uma vantagem para criar produtos de papel é que você pode vendê-los facilmente pela internet. Porque seu envio é simples, seguro e ainda mais, não tem prazo de validade.

Existe uma infinidade de coisas possíveis de se fazer com papel. Pois este material é muito versátil, barato e que sempre resulta em peças bonitas e que todo mundo gosta.

Neste artigo, contudo, daremos atenção à encadernação artesanal. Já que ela é, de fato, uma prática bem acessível, lucrativa e que você, em pouco tempo, encontrará diversas formas de como ganhar dinheiro com esse tipo de artesanato.

Sendo assim, não importa se você é iniciante ou já domina técnicas de corte e colagem de papel. O ideal é que você deseje fazer um bom trabalho, que seja valioso, para ser presenteado ou vendido, tornando-se portanto, uma fonte de renda extra.

Se você atua na área de educação e deseja aprender algo diferente e interessante para aplicar com seus alunos, aqui está uma excelente opção.

Pois a disseminação de técnicas artesanais com papel nas salas de aula, poderá ser, futuramente, uma atividade geradora de renda para seus alunos.

O grande diferencial, dessas encadernações para as industriais, é que o artefato produzido com as mãos é algo único, sendo por isso, muito valorizado pelas pessoas.

Dessa forma, sua clientela encantará seus amigos, presenteando-os com objetos de qualidade singular e valor artístico.

Com papel você poderá produzir inúmeros artefatos, como organizadores, sobrecapas de livros, ou agendas, ou cadernos personalizados, ou ainda álbuns de fotografia e muito mais.

Conteúdo Recomendado

Ideal para Vender, Presentear e Curtir!

Comece a produzir, ainda hoje, um artesanato valorizado e altamente lucrativo. Saiba mais sobre este Passo a Passo da Encadernação Artesanal – O livro prático dos apaixonados pela arte de papel!

Como vender seus itens de artesanato – 5 dicas para ajudar a ganhar dinheiro

Uma vez que seus itens são criados, você precisa prepará-los para vender. Portanto, aqui estão cinco preciosas dicas para transformar seus itens em renda.

Dica #1 – Componha seus preços de modo correto e saiba como ganhar dinheiro com os seu artesanato

Falávamos disso lá no início. Sim, porque esta é uma dica importante, já que a maioria dos artesãos tem dificuldade para estabelecer o preço do seu trabalho.

Preço, embora pareça algo simples, significa bem mais que números depois de um cifrão ➡ R$. Na verdade, você precisa entender a real diferença entre custo e preço.

  • preço é o que o comprador paga pelo seu produto
  • custo é o seu investimento

Custo é todo gasto que deverá fazer parte da composição do preço do artefato a ser vendido

Observe que o custo das suas peças deve contemplar tudo aquilo que você gasta, direta e indiretamente, para realizar sua produção.

Material é apenas um dos itens do seu custo

Sendo assim, o material, ou melhor, a matéria prima, é um custo direto. Porque quanto mais peças, maior será seu gasto diretamente com ela.

Um custo indireto seria, por exemplo, o combustível pago para transportar suas peças. Isto é, ele incide no traslado, mas não diretamente na fabricação.

Logo, o valor gasto com ele deve ser distribuído entre todas as peças transportadas.

Neste caso, quanto mais peças transportadas, menor será a incidência desse custo sobre cada uma delas.

Calculado um custo indireto

Divide-se o valor gasto pelo número de peças produzidas

Preço versus custo

Todavia, o seu preço de venda é, para seu representante ou revendedor, um custo. E sobre este custo ele colocará o seu próprio preço de venda.

Por isso, é muito importante que você saiba compor seus custos de produção, para que suas peças cheguem ao comprador a um preço justo.

De modo a permitir um fluxo de vendas contínuo, evitando que sua produção encalhe.

Embora você não queira abusar, sobretaxando os seus produtos, é preciso ter cuidado para não cobrir apenas o custo dos materiais, mas também o seu tempo e o seu ganho real, que é o lucro.

Lucro é o resultado positivo alcançado no exercício de uma atividade comercial ou financeira

Almejar o lucro com a produção de artesanato, não pode ser visto como um “pecado”

O contrário de lucro, chama-se perda

Considere ainda como a concorrência aplica seus preços. Isto é, caso haja algum produto similar ao seu. E se puder aplicar algum desconto, isso poderá ser uma vantagem a seu favor.

Assim como existe o contrário disso, ou seja, uma procura alta com baixa oferta. Neste caso, o preço da sua venda poderá subir, aumentando portanto, a sua margem de ganho real.

Veja agora como calcular o preço de venda das suas peças, seguindo uma composição de custos mais detalhada.

Dica #2 – Personalize seus itens

Encontre uma maneira de incluir seu nome ou nome comercial, endereço de site ou outras informações de contato em cada um dos seus itens.

artesanato personalizado

É fundamental que você fique visível e facilmente acessível.

Pode ser um adesivo ou informações impressas num cartão de visita. Se seus clientes quiserem mais, eles poderão entrar em contato com você.

Sendo assim, considere dispor ao seu cliente todas as formas de contato possíveis, tais como:

  • número de telefone com WhatsApp
  • endereço da sua loja ou onde você expõe
  • endereço de e-mail exclusivo para contatos
  • website da sua loja virtual
  • canal no YouTube
  • perfil nas redes sociais:
    • Facebook
    • Instagram
    • LinkedIn
    • Twitter

Dica #3 – Considere segmentar um tipo específico de cliente

Por exemplo, muitos autores procuram itens de estilo exclusivos que têm fotos de seus livros, como brincos, pulseiras e muito mais. Decoradores de ambientes vivem à cata de peças originais para compor seus projetos.

Se você consegue atender a esses profissionais, aí está um excelente nicho para vender suas peças artesanais.

O mercado pode levar certo tempo para absorver seu estilo e personalização dos seus artefatos. Mas em compensação, futuramente você também poderá cobrar mais por conta desse reconhecimento.

Dica #4 – Atenção a cada época do ano

Todo produto de artesanato é sazonal, isto é, tem sua melhor época de procura.

Embora muitos de seus itens possam ser bons em qualquer período do ano, você poderá aumentar as vendas oferecendo itens em que a procura seja maior.

É o caso da decoração ou presentes de Natal, ou decorações para as festas de meio de ano. Considere ainda fazer itens para ocasiões especiais, como casamentos, maio é o mês das noivas, ou aniversário da sua cidade.

artesanato - máscara

Dica #5 – Fotografe suas peças

Hoje em dia, não há desculpa para não se ter uma galeria de imagens dos seus produtos.

Fotos são recursos essenciais de venda

Sendo assim, passe a usar a câmera de seu smartphone como ferramenta de trabalho.

Encontre um bom local dentro de sua casa ou atelier e transforme-o em seu estúdio. Para começar, não precisa de equipamento, além da própria câmera. A luz natural do sol é a sua melhor aliada.

Então faça algumas fotos como teste, até encontrar o local e a posição ideais que deem bons resultados. Pronto. De agora em diante registre todo o seu trabalho.

Depois disso, guarde esse material fotográfico na nuvem. Pode ser na sua conta do Drive, se o seu aparelho for um Android, ou no iCloud, o serviço de armazenamento dos celulares da Apple.

Onde vender seus itens

Depois de criar e de produzir seus artefatos, você precisa vendê-los.

Como todo artesão é um profissional multitarefa, neste momento então, a persona do artista abre espaço no “palco” para entrar em cena o comerciante.

A boa notícia é que você tem muitas oportunidades para vender seus produtos e, em alguns casos, nem precisa sair de casa.

Então aproveite e marque presença em todos os espaços que o artesanato pode ocupar para você ganhar dinheiro, seja online ou offline.

artesanato - e-commerce

Crie sua loja virtual e um perfil profissional nas redes sociais

Ter uma loja virtual é tudo de bom para o artesanato! Sendo assim, concentre seus esforços para você montar a sua. Pois ela é a porta, a janela e a vitrine abertas para o seu cliente em todo o mundo.

Apesar de dois terços dos artesãos utilizarem a internet para divulgar seu trabalho, e 72% ter seu próprio e-mail, apenas 9% possui uma loja online.

Não deixe dinheiro sobre a mesa

Portanto, você tem dois caminhos para montar sua loja virtual:

  • contrate um profissional
  • faça por sua conta

Construir seu próprio site permitirá uma personalização completa. Não é nenhuma missão impossível, isto é, desde você disponha de tempo para aprender como criá-la.

Há uma vantagem nisso, é que não custa nada, ou quase nada. Você, por si só, pode enfim colocar tudo funcionando direitinho, das páginas de ofertas às formas de pagamento online.

Então leia a seguir o passo a passo que irá permitir a execução dessa tarefa.

Conteúdo recomendado

Como Montar Uma Loja Virtual em 6 Etapas e 15 Minutos, Super Fácil!

Todavia, a outra opção, a de contratar um serviço profissional, pode resultar em um excelente site para o seu artesanato.

Dessa maneira, você estará livre para se dedicar inteiramente ao seu novo negócio.

Veja só, esse serviço de suporte online poderá ser ainda melhor, se você implementar com a gestão nas redes sociais de sua loja.

Pois não basta apenas ter uma loja virtual funcionando, ela precisa estar visível para o seu público.

Esta é, afinal, uma tarefa que demanda tempo. E isso você não quer, nem pode, perder, não é mesmo?

Portanto, contratar esse serviço pode ser uma ótima medida para os seus planos de venda.

Pense bem:
com planejamento e boas estratégias de vendas, esse custo se justificará plenamente

Sendo assim, sinta-se à vontade em aceitar nossa sugestão e faça contato com a agência o2web – comunicação & marketing digital.

Para que ela cuide, não apenas da sua loja, bem como de toda a sua presença online.

Lugares online para vender seu artesanato

O portal Etsy é provavelmente o recurso mais conhecido para as pessoas venderem seus produtos autorais.

Mas existem muitos outros lugares que você pode listar e vender diretamente, online.

A seguir, veja uma sugestão de portais que vendem artesanato pela internet. Há os grátis e os pagos. Neles você poderá se cadastrar e exibir suas peças.

A dinâmica é simples, já que seu artesanato fica em exposição e os portais se encarregam de promover o tráfego de visitantes. Quando ocorre uma venda, então você recebe a sua parte.

Portanto, é recomendável que você entre e navegue em cada um deles para saber exatamente como funcionam. Pois existem diferenças, inclusive quanto à cobrança de comissões.

Ainda assim, é vantajoso espalhar as imagens do seu acervo, ou parte dele.

Dessa forma, ao deixá-los em oferta, você poderá alcançar um amplo e seletivo público, disposto a conhecer novidades e sobretudo, a comprar.

Eis aí uma excelente estratégia de propagação do seu trabalho!

Portais gratuitos

Portais pagos

  • elo7 (comissão de 12% da venda)
  • Divitae (tem plano de R$ 150,00 Ano)
  • olist store (tem uma taxa de 10%)
  • americanas.com (taxa de 16%, requer CNPJ)
  • B2W (16%, cadastro para Submarino, Americanas e Shoptime, requer CNPJ)
  • ebay (ver como funciona o sistema de anúncios e tarifas)

5 lugares offline para vender seu artesanato

Apesar da venda local ainda ser o modo de fluxo mais importante para a maioria dos artesãos brasileiros, é importante considerar outros caminhos para você expor e assim ampliar sua clientela.

  • Feiras de Artesanato
  • Bazares
  • Consignação em lojas locais de artesanato
  • Mercados de agricultores orgânicos
  • Eventos locais que permitem fornecedores de artesanato

Certamente não deixe de lado a venda de porta em porta. A interação direta, cara-a-cara, como seus clientes, é um benefício importante para a comercialização das suas peças.

Isto permite que você adquira o feedback imediato, descobrindo o que os seus clientes mais gostam sobre os seus produtos.

Enfim, essa também é uma maneira de ouvir sugestões, pois os clientes sempre pedem novos produtos.

E nada mais valioso para seu negócio do que esse contato direto.


Aí está! Chegamos ao término deste artigo que, estou confiante, revelou inúmeros elementos para você encontrar a melhor forma de ganhar dinheiro com o seu artesanato.

Então faça a alegria de um amigo artesão e compartilhe com ele essas descobertas, clicando num dos ícones das redes sociais, logo abaixo.

Por fim, deixe seu comentário. Ele é muito importante para que eu saiba melhor como responder às suas dúvidas.

Boas vendas!

Compartilhe isto:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*